Os cornos dos Rinocerontes

Por em 10 December, 2014

Você sabia que os chifres de alguns rinocerontes são retirados de forma preventiva e cuidadosa para evitar que eles sejam cruelmente assassinados por caçadores?
Sim, fazem isso para evitar que esse lindo animal que vaga pelo planeta há 50 milhões de anos seja extinto em um curto período de tempo.
Além disso, logo após serem retirados, os chifres são limpos, numerados, "microchipados" e levados em carro forte para cofres, ficando em poder do estado ou de seu tutores, não podendo ser comercializados.
Os animais, após a retirada do chifre, são pintados com uma tinta luminescente, desta forma os caçadores percebem à longa distância, mesmo durante a noite, que aquele animal não possui mais seu chifre.
Você quer saber mais histórias curiosas sobre esse universo espetacular? Conheça a exposição "A Jornada do Rinoceronte" do fotografo documental Érico Hiller, onde ele revela a caça ilegal dos animais que ocorre na África. Seu objetivo é levantar uma discussão sobre os personagens e os fatos ligados a essa história.
A mostra tem apoio do Instituto 100% Animais estreia em 12 de dezembro, das 8h às 18h, na Praça Victor Civita, em São Paulo e fica até o dia 01 de fevereiro de 2015. Entrada franca.

Jô Dvoranovski

Empresária na área de tecnologia de segurança. Identificou que para ampliarmos nossa atuação na causa animal precisamos profissionalizar processos e criar padrões sustentáveis para ajudar na melhoria da vida dos animais. "Quando pensamos sobre os animais abandonados que vivem nas ruas, pensamos em qual instituição? Quando pensamos em animais que sofrem maus-tratos, qual entidade que vem a nossa mente? Quando pensamos no tráfico de animais no Brasil, pensamos em qual órgão de proteção? O Brasil carece de união dos formadores de opinião da causa animal. Para isso que criamos o 100% Animais".

Deixe um comentário

Campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.